Toxoplasmose: mitos e verdades – por Joyce Souza

Maternidade Real

Oi leitoras do blog Fissurada na Maternidade, hoje vou falar um pouco sobre um assunto que deixam muitas mamães preocupadas por não entenderem muito bem o assunto: A TOXOPLASMOSE (conhecida vulgarmente como Doença do Gato).

Primeiramente vou me apresentar né?! Sou a Joyce, mamãe da Celina e Médica Veterinária, prazer!rs

Eu e a Ana durante uma conversa achamos interessante falar sobre o assunto Toxoplasmose para esclarecer muitos mitos que rodeiam o tema.

Tenho certeza que muitas já ouviram de conhecidos e até médicos que a mulher grávida não pode ter gato e nem cachorro. Quando escuto isso eu fico até brava!rs

Vou tentar explicar da forma mais simples para que todas entendam, através de esquema de perguntas.

– O que é a Toxoplasmose?

É uma infecção causada por um protozoário Toxoplasma Gondii, que em mulheres gestantes pode causar aborto e/ou deformidades no feto.

– Como é transmitida?

A toxoplasmose é transmitida através da ingestão de oocistos (forma infectante) que são liberados através das fezes de felinos contaminados; ingestão de taquizoítos (forma infectante presente na musculatura de mamíferos) em carne crua e/ou mal passada ou por falta de higiene ao manipular alimentos.

Olha como o raciocínio é simples….rs

Para o gatinho liberar o oocisto (ovinho do Toxoplasma) nas fezes, ele precisa estar com a doença. Ele se contamina ao comer carne crua, ratos, insetos, etc… Então, se seu gatinho não vai à rua e come carne crua, isso já diminui a possibilidade dele estar contaminado.

O gato pode servir de veiculador por liberar o “ovinho” nas fezes, e temos que tomar cuidado ao manipular a caixinha de areia e lavar as mãos após a limpeza. A possibilidade de contrair a infecção através do gato é somente se o mesmo estiver doente, defecar, nós ao manipular as fezes deles não lavar as mãos e colocar acidentalmente na boca ou manusear alimentos e ingerí-los sem higienizá-los.

Tem gente que fala que não podemos nem pegar no pobre coitado do gato, senão pega a Toxoplasmose. A verdade é que podemos sim pegar e fazer carinho nos bichanos e depois é só lavar as mãos.

Os cães, ai meu Deus, é um absurdo falar q os cães “passam” Toxoplasmose! Já fiquei sabendo de médicos dizendo isso! Genteeeeeeee, para tudo! O cão, assim como outros mamíferos podem contrair a doença, MAS eles não disseminam a mesma. A única forma de você se contaminar é comendo a carne crua do cachorro! Achou engraçado né?? Mas é a verdade, ele não libera a forma infectante nas fezes e não tem como “passar” a doença, pois eles são só portadores do toxoplasma, e a forma infectante fica na sua musculatura. E acredito que ninguém coma carne de cachorro aqui no Brasil e nem “churrasquinho de cachorro”.rs Assim, os cães não apresentam perigo nenhum!!!

– Como posso descobrir se tenho a doença?

Quando a gravidez é planejada, o médico pede 1000 exames antes né? E entre eles está o de Toxoplasmose. Se você não planejou a gravidez ou não realizou os exames, o seu médico irá pedir Toxoplasmose IgM e IgG. Se o seu IgM der reagente, significa que vc está com a doença aguda e é preocupante. Se o IgG der reagente, significa que você já foi exposta a doença e possui anticorpos, isso é bom.

No meu caso nem o IgM e nem o IgG deram reagentes, significa que não tenho a doença e nunca fui exposta. Eu como Veterinária achava que o IgG seria reagente, mas não! Desta forma, tenho que tomar cuidado. Como? Vou resumir como podemos prevenir a Toxoplasmose:

* Lavar as mãos entes de comer, beber e manipular os alimentos

* Não comer carne crua ou mal passada

* Tomar leite pasteurizado

* Usar luvas ao manusear a caixa de areia do gato

* Manter seu animal vacinado e vermifugado

* Não deixar seu animal ir as ruas e se alimentar de carne crua, ratos, insetos, etc.

* Leve seu gatinho ao Médico Vetrinário

Gente, esse assunto é muito extenso e se deixar fico escrevendo horas sobre ele…rsrs Mas espero ter ajudado as gravidinhas de plantão com seus mitos em relação a Toxoplasmose.

Eu tenho 3 cães (Popota, Stella e Montillo) e eles dormem na cama comigo e a família do meu marido tem gatos que convivemos muito e nem por isso deixei de acariciar, abraçar e beijar os bichanos.

Para não ficar mais cansativo, depois vou escrever contando a minha relação com os animais antes e durante a gestação.

Não temos que desfazer de nossos animais por causa da gravidez!!! Eles não tem culpa de nada!! E só nos trazem alegria!

Muito obrigada pela atenção de todas! Se tiverem dúvidas e eu puder ajudar, estou a disposição!

Beijo para todas

collage2

Um comentário sobre “Toxoplasmose: mitos e verdades – por Joyce Souza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s