Pão de queijo na sanduicheira

Bom dia!

Vamos fazer um pão de queijo super rápido hoje!? Não te levará mais que 10 minutos.

Ingredientes:

1 ovo

3 colheres de sopa de queijo ralado

3 colheres de sopa de polvilho doce

3 colheres de sopa de leite

Sal e temperos a gosto

Modo de preparo:

Misture tudo e coloque na sanduicheira. Espere a luzinha ascender e voi lá!

Dica:

Coloque ervas frescas que fica maravilhoso!

Com amor,

Ana Maria.

Ps: Testei com polvilho azedo em substituição do polvilho doce e com água ao invés de leite, e deu certo. =)

 

Bolo de beterraba vegano

Bom dia!

Hoje viemos com uma receita muito simples e deliciosa, o bolo de beterraba. Esse bolo fica muito saboroso e podemos comer sem culpa porque é super saudável. Podem fazer sem medo porque é um sucesso entre os pequenos e eles comem beterraba sem saber que estão comendo. risos…

Ingredientes:

2 beterrabas médias raladas

1 xícara de óleo (pode ser o óleo que você quiser)

1 xícara de farinha de trigo integral

1 xícara de farinha de arroz

1 xícara de leite de coco

1 xícara de açúcar (nós usamos o Demerara)

1 colher de sopa de fermento em pó

1/2 xícara de água

Modo de preparo:

Bata o óleo, a beterraba, a água e o leite de coco no liquidificador. Depois é só misturar o restante dos ingredientes com uma colher em um recipiente. Colocar em uma forma untada para assar por 30 minutos em forno baixo/médio.

Deixe aqui seu feedback.

Nós aqui amamos essa receita!

Com amor,

Ana Maria.

 

 

 

Quibe de abóbora

Bom dia!

Esta é uma receita super saborosa, muito saudável e bem simples de fazer. Você vai precisar de:

2 xícaras de trigo para quibe

3 xícaras de água

5 xícaras de abóbora

2 colheres de sopa de azeite

1 limão

Hortelã

Sal, pimenta e temperos a gosto.

Modo de preparo:

Cozinhe a abóbora e amasse como se fosse fazer um purê e refogue utilizando os temperos que você tem costume de utilizar. Nós usamos alho, cebola e sal. Na água que você usou para cozinhar a abóbora deixe o trigo de molho por 30 minutos. Após esse tempo, escorra a água e misture com a abóbora refogada. Finalize essa mistura com folhinhas de hortelã picadas e o suco do limão. Distribua em um refratário untado, cubra com papel alumínio e leve ao forno por 30 minutos. Após 15 minutos, retire o papel alumínio e leve ao forno novamente para terminar de assar.

Dicas: Antes de terminar o tempo faltando uns cinco minutos, coloque queijo por cima e leve ao forno novamente para gratinar. Esse “quibe” servido com uma saladinha de folhas e legumes cozidos, como esse prato do Raul na foto, é uma refeição super saudável.

Com amor,

Ana Maria.

Pão de frigideira

Bom dia! Hoje é dia de receita!

Essa receita é daquelas bem simples, rápidas, saudáveis e sem lactose e glúten. Super rápida e prática para aqueles dias que você está sem tempo de fazer quase nada ou esqueceu de passar na padaria para o lanche. Tome nota e veja como é simples.

Ingredientes:

1 ovo

2 colheres sopa de farinha de arroz

2 colhes de sopa de farelo de aveia

1 colher de sopa de óleo de coco

1 colher de sopa de água

1 colher de cha de fermento em pó

Sal a gosto

Modo de preparo:

Bata o ovo, acrescente o restante dos ingredientes e misture. Coloque em uma frigideira untada e doure dos dois lados em fogo médio.

Essa receita é para um pão do tamanho de um prato de sobremesa. Serve uma pessoa. Nessa foto acima o recheio foi queijo Minas e ervas, mas você pode usar sua criatividade e recheá-lo do jeito que você quiser ou simplesmente comê-lo com azeite que também fica excelente.

Com amor,

Ana Maria.

Suflê de legumes

Olá, gente!

Vamos com mais uma receita super saudável e prática?! Esse suflê é quase uma refeição completa, podendo servi-lo sozinho, com uma salada de folhas ou uma carne (para quem gosta). Prontos para os ingredientes e o modo de preparo?! Vamos lá!

Ingredientes:

  • Legumes variados. Dica: eu abro a geladeira e vejo o que tenho e faço com o que tiver no dia. Já fiz até com folhas e milho porque no dia não tinha nada de legumes. A receita é bem versátil, você pode usar a sua criatividade.
  • 2 colheres de sopa de farinha de arroz
  • 100 ml de água
  • 3 ovos
  • Sal e temperos a gosto

Modo de Preparo:

Bata as claras em neve e reserve. Se você tiver fazendo com legumes que precisam de cozinhar, eles têm que ser cozidos antes, ok?! Refogue os legumes em uma panela com os temperos que você está acostumado, acrescente a farinha de arroz e a água com o fogo ainda ligado. Desligue o fogo e coloque as gemas e por último as claras. Coloque esta mistura em uma assadeira untada com óleo ou azeite e leve ao forno por 25 minutos na temperatura média/alta. Pronto! Se quiser um suflê mais altinho e mais firme, pode-se colocar uma colher de chá de fermento em pó.

Com amor,

Ana Maria.

12728971_955148084563696_2807753621519223272_n

Buscando o equilíbrio

Olá pessoal!

Passei dos trinta (anos) este mês passado e com isso surgiu uma preocupação que eu tive poucas vezes durante esses trinta anos de vida e dessa vez ela veio de uma forma tão avassaladora que me fez mudar meus hábitos há algumas semanas atrás. A minha preocupação  começou com meu  corpo, afinal já haviam se passados dois anos e 4 meses após a minha cesárea e a minha barriga continuava flácida, e o pior, eu não fazia nada para mudar isso. Continuava tendo os mesmos hábitos, a mesma vida “sedentária” que eu tinha aos meus 15 anos, porém hoje com agravantes, a genética e a idade já não me ajudam mais… E junto com os agravantes vieram a preocupação do exemplo de vida que eu estava dando para o meu pequeno.

Não sou gorda, peso 48 quilos e tenho 1 metro e 56 centímetros de altura. Não estou acima do peso, porém com a vida que eu levava eu não conservaria esse peso por muito tempo. Além da flacidez que a gravidez me deixou, a idade também está contribuindo bastante com dores nas costas e joelhos e se eu não correr atrás… aff… Sou uma pessoa que ama fast food e adora um doce. Por mais que eu não oferecesse ao Raul todas às vezes que eu ingeria, ele está crescendo e tem vontade própria, já não é mais uma extensão do meu corpo e logo não poderei mais controlar a alimentação dele. Como se essa minha paixão furiosa por doces e gordurosas não bastasse, eu não estava praticando exercícios físicos. E pior, nós acabamos de matricular o Raul em uma escola de artes marciais… Eu parei e pensei: “Como é que eu vou falar para ele que devemos praticar exercícios físicos para o bem da nossa saúde se ele nunca me vê fazendo?!” Isso estava me atormentando tanto que resolvi que quando eu retornasse para nossa casa após as férias de fim de ano, minha vida seria diferente.

Essa minha mudança, além da busca de uma melhor forma e condicionamento físico, tem a ver com o que quero ensinar para o Raul, com o exemplo que eu quero ser para ele. Quero que ele tenha uma mãe mais equilibrada, mais saudável, mais ativa e mais MAGRA (#projetomamãesarada)…. risos. Quero ser exemplo para ele em tudo o que tiver ao meu alcance. Quero envelhecer com saúde para estar presente em todas as fases do meu pequeno e viver por longos e longos anos ao seu lado, guiando o da melhor maneira, esse é o meu principal objetivo. Acho que um dos aspectos de ser mãe é isso, a maternidade me fez pensar assim… querer que seu filho se espelhe em você, nas coisas boas é claro! Para começar com a mudança de vida, comecei com a mudança de hábitos. Fazer atividades físicas todos os dias pela manhã por pelo menos 10 minutos, tem sido sagrado desde algumas semanas atrás e a nossa alimentação mudou por completo. Claro que sem muita neura, Raul é criança e lógico que o deixo comer doces quando sente vontade, mas sempre ressalto que não faz bem comer muito e vejo a quantidade que acho ideal para ele. A nossa alimentação está sendo sem gorduras,  sem glúten, sem lactose e sem muito açúcar. Com essa mudança para uma alimentação saudável, o meu marido (Master Chef particular.. risos) está sempre em busca de pratos mais gostosos para tornar as nossas refeições mais prazerosas e inovar sempre para não cair na mesmice. De vez em quando vou postar umas receitas aqui para vocês se inspirarem, ok?! Além de inspirar vocês a fazerem o mesmo: levar uma vida mais saudável, essas receitas também ajudarão aos pais de pequenos alérgicos.

Com amor e muita vibração saudável,

Ana Maria.